Através de ou por meio de?

FAÇA O USO CORRETO: ATRAVÉS DE ou POR MEIO DE


A locução “através de” empregada com o sentido de “por meio de” é condenada por muitos gramáticos, embora já exista defesa para o uso.

Através de significa por dentro de, de um lado para outro, deixando clara a ideia de atravessar.

Exemplos

A luz que clareava vinha através da janela da sala.

Foi ferida pela bala que entrou através da madeira.

Contemplou o movimento da rua através do vidro do carro.

Para ajudar a entender, perceba que os objetos “janela”, “madeira” e “vidro” não exercem qualquer função prática para facilitar a ação que está ocorrendo. No primeiro caso, a luz é que atravessa por ela, e a janela, passivamente, vê aquele clarão passar, “independente de sua vontade”; no exemplo da madeira, a bala fez pouco caso da madeira, varando do outro lado, atingindo a pessoa; na terceira oração, o olhar não é impedido de captar imagens externas, por ser o vidro transparente.

Em tais exemplos, vê-se o uso correto da locução através de. Quando entendemos por que usamos “através de”, passamos a ter a convicção de nunca usar a expressão “por meio de” para significar “através de”. Vejam os exemplos do uso correto de “por meio de” para não haver confusão:

Recebeu o orçamento por meio de carta (nunca através);

Reinava com mão de ferro por meio de decretos (jamais através); e

Os telegrafistas se comunicavam por meio do código Morse (não usar através).

Vejam que a “carta”, o “decreto” e o “código Morse” são fundamentais para que a ação se efetue. Eles são os meios sem os quais as ações não se concretizam nos exemplos acima citados.

Professor José Maria Cavalcanti

About these ads