CONSOLO DA SOLIDÃO

PEQUENA HISTÓRIA DE NATAL

Pepe estava solitário, a mesa posta e pronta para a ceia. Apenas um Papai Noel barrigudo fazia graça, dançava ao cantar Jingle Bells. Para espantar a tristeza, que não combinava com aquela noite especial, foi até o velho baú e trouxe um montão de cartas para perto da ornamentada árvore. E revendo cartões antigos, recebidos de sua amada Lolita, alegrou-se novamente por relembrar outros gostosos Natais partilhados com aquela que já não estava ali com ele, para compartir aquele momento.

Veja as mensagens que ele releu quando eles ainda eram bem jovens e não podiam estar pertinho um do outro:

A los que comparten risas, a los que lloran, a los que tienen alguien a su lado, a los que no lo tienen, a  ti que veo a menudo y que ti echo de menos, ¡FELIZ NAVIDAD!

Para aqueles que compartilham risos, que choram, que têm alguém ao seu lado e aos que não têm, para  ti que pouco vejo e que sinto muita falta, FELIZ NATAL.

Las mejores cosas de la vida nunca vienen solas y en estas Navidades lo confirmé… ¡Vienen contigo! ¡FELIZ NAVIDAD!

As melhores coisas da vida vêm sozinhas e neste Natal confirmei isto. Elas vêm contigo: Feliz Natal!

Que en estas fiestas, la magia sea tu mejor traje, tu sonrisa el mejor regalo, tus ojos el mejor destino, y tu felicidad mi mejor deseo!

Que nestas festas a magia seja teu forte traje, teu sorriso o melhor presente, teus olhos o melhor destino e a tua felicidade meu maior desejo!

La magia de la navidad es la magia de las personas… como tu que haces que un año se pase volando…

A magia do Natal é a magia das pessoas, como tu que fazes com que o ano passe voando…

Te quería mandar algo súper especial para esta Navidad, pero tuve un problema… ¿Cómo envuelves un abrazo y un besote?

Queria mandar para você algo superespecial para o Natal, mas tive um problema…Como envolver de presente um abraço e um beijinho?

Que esta Navidad convierta… cada deseo en flor, cada dolor en estrella, cada lágrima en sonrisa, cada corazón en dulce morada!

Que este Natal converta cada desejo em flor, cada dor em estrela, cada lágrima em sorriso e cada coração em doce morada!

Ainda a contemplar o último cartão, destinou a ele um beijo, colocando-o junto aos outros, espalhados sobre a árvore. Envolto por tantas emoções e com os olhos marejados de lágrimas, sorriu feliz por Lolita ter existido em sua vida.

Autor: José Maria Cavalcanti

Este pequeno conto nos ensina que quando alguém especial passa em nossa vida, preenchendo todos nossos recantos,  jamais voltaremos a estar sozinhos. Não haverá qualquer força no universo que seja capaz de apagar todos os momentos que se passa junto ao outro que esteve amalgamado ao seu ser.

Anúncios