Dia da Mulher – Homenagem

 

aimagescasal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mulher de Corpo e Alma

Após o baile, a bonequinha se fez mulher

A carregar a beleza sensível de outra rosa

Que obra de arte, musa de poesia e prosa

Linda desfila, pode escolher bem-me-quer

 

Muito feliz como a ouvir sua música no ar

Que sopra um perfume de doce fragrância

Cheiro que remete o aroma da sua infância

Da bela flor que se abre, pronta para amar

 

Com raça e força dá curso à divina criação

Em meio a lágrimas de felicidade e de dor

Ao filho dá luz, canta-lhe canção de amor

Ao pequeno ser derrama seu doce coração

 

Com um amor que preenche todo o mundo

Ela se faz carícia, plenitude, generosidade

O homem, sem ela, é um poço de saudade

Pra ele ela é prazer e desejo mais profundo

 

Saborosa como é o gostoso fruto do amor

Conquista só com seu olhar certeiro e fatal

Mesmo diante de um corpo muito sensual

É na sua alma que se vê o verdadeiro valor

Autor – José Maria Cavalcanti

 

Anúncios