Arquivo de Tag: Bela

Poesia – Gargalheiras

      GARGALHEIRAS Lá da Serra do Chapéu Via a represa lindo colibri Com as asas erguidas para o céu Agradecia alegre a riqueza de Acari Qual um néctar, tão doce era… Continuar lendo

Naldinho e Lurdinha

        O PODER DA DAMA   A praça passou a ser um local prazeroso para a prática do xadrez nos fins de semana com os amigos. Além de se exercitar,… Continuar lendo

Bem-me-quer

BEM-ME-QUER OU MALMEQUER? Parecia que todas as dúvidas do mundo de pronto povoaram sua cabeça. E aquela ansiedade desmedida devorava tudo lá por dentro. Roubava-lhe o sossego, vindo a pôr descompasso no seu… Continuar lendo

Batida de Coração

BATIDA DO CORAÇÃO Na caixinha o som A bailarina a rodar Na boca o bombom Com seu doce amar 00 Música que faz feliz E todo o corpo ferve Seu ser sem diretriz… Continuar lendo

Vinícius de Moraes – 100 Anos

100 VINÍCIUS SEM TARDE EM ITAPUÃ Vinícius de Moraes e Toquinho   Um velho calção de banho O dia pra vadiar Um mar que não tem tamanho E um arco-íris no ar Depois… Continuar lendo

Rosa de Pixinguinha

OITO DE MARÇO – DIA DA MULHER Rosa – Pixinguinha e Otávio de Souza (1917) Tu és, divina e graciosa Estátua majestosa do amor Por Deus esculturada E formada com ardor da alma… Continuar lendo